Notícias

AVISO AOS ACIONISTAS

PAGAMENTO DE JUROS SOBRE CAPITAL PRÓPRIO REFERENTES AO 1º TRIMESTRE DE 2008

Comunicamos aos Senhores Acionistas, conforme decisão do Conselho de Administração em reunião realizada em 06/05/2008, que iniciaremos o pagamento de Juros Trimestrais sobre o Capital Próprio referentes ao 1º trimestre de 2008 no montante de R$ 42.717.802,01 (quarenta e dois milhões, setecentos e dezessete mil, oitocentos e dois reais e um centavo) o qual, após a retenção de imposto de renda na fonte, resulta em juros líquidos de R$ 36.310.131,71 (trinta e seis milhões, trezentos e dez mil, cento e trinta e um reais e setenta e um centavos).

Terão direito todos os acionistas possuidores de ações no dia 07/05/2008, registrados nesta sociedade como proprietários ou usufrutuários dessas ações.

Início do Pagamento: 30/05/2008

Classe / Tipo de Ação Juros Sobre o Capital Próprio por Ação (Valor Bruto) Imposto de Renda Retido na Fonte (15%) Juros Sobre o Capital Próprio por Ação (Valor Líquido)
ON R$ 0,104451 R$ 0,015668 R$ 0,088783
PNA R$ 0,104451 R$ 0,015668 R$ 0,088783
PNB R$ 0,104451 R$ 0,015668 R$ 0,088783

Nos termos do artigo 79 do Estatuto Social da Companhia, do art. 9º da Lei nº 9.249/95 e do item V da Deliberação CVM nº 209/96, o valor líquido dos Juros Sobre Capital Próprio será imputado ao dividendo obrigatório, integrando tal valor o montante dos dividendos distribuídos pela sociedade para todos os efeitos legais.

Imposto de Renda:

Haverá retenção de Imposto de Renda na Fonte, conforme determina a legislação vigente, exceto para os acionistas pessoas jurídicas que comprovarem até 28/05/2008 sua condição de imunes ou isentos.

Formas de Pagamento:
Haverá o crédito em conta corrente para os acionistas correntistas do BANRISUL. Para os demais, o pagamento será realizado em qualquer agência deste banco, mediante identificação. Os acionistas que possuem ações custodiadas nas Bolsas de Valores receberão os juros através da corretora onde realizaram o respectivo depósito.

Prazo de Prescrição:
Conforme a legislação em vigor, Lei 6404 - art. 287, prescrevem em três anos os juros sobre capital próprio não reclamados, contado o prazo da data em que tenham sido postos à disposição do acionista.

Porto Alegre, 07 de maio de 2008.

Ricardo Richiniti Hingel

Diretor de Relações com Investidores

Para acessar o documento em PDF, clique aqui.