Destaque

São Martinho renova certificação Energia Verde

As unidades da São Martinho renovaram para 2018 o certificado Energia Verde, emitido pelo Programa de Certificação de Bioeletricidade. As usinas da companhia recebem a certificação desde o lançamento da iniciativa, em 2015, que foi idealizada pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), em cooperação com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), e com o apoio da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (ABRACEEL).

O selo Energia Verde é a primeira certificação no Brasil focada, estritamente, na energia produzida a partir da cana-de-açúcar e atesta que as empresas geram energia elétrica renovável e sustentável para o consumo próprio e para o Sistema Interligado Nacional (SIN).

Para receber a certificação, as usinas devem atender algumas regras, como a obrigação de estarem adimplentes junto à CCEE, serem associadas à UNICA e respeitarem determinados critérios de sustentabilidade e eficiência energética.

De acordo com a UNICA, ao longo de 2018, as 60 unidades certificadas com o Energia Verde estimam uma produção total de 15.744 GWh, exportando 66% para o SIN e o restante para o uso nas plantas industriais. Esse volume é estratégico para o Brasil, e equivale a mais de 16% do que foi gerado pela Usina Itaipu em 2017 ou a quase 60% do consumo anual de energia elétrica em uma cidade como São Paulo.

Política de Privacidade Termos e Condições